14 de maio de 2012

F(r)ases


Amor é a leveza que a alma sente. 
Compreende o amor também o perdão e a extensão à outras pessoas. 
O amor desfaz a falsa noção do eu, numa tristeza solitária mas não daquilo que se é, mas pela propriedade de não pertencimento. 
Comovente é a expressão de todo amor.- em qualquer tempo. 

Nenhum comentário: