17 de abril de 2011

Breve

(na poesia) ... na morte e na noite,
sou de lucidez inundada - aquela maneira.

2 comentários:

Fernando disse...

na(da)maneira...

Ciça Molina disse...

A Sandra?..Ela nao conhece a Palavra impossivel. As vezes eu acho que ela é realmente louca e eu adoro isso. Ela não tem medo e gosta de usar a sua Luz noturna.