5 de dezembro de 2010

De um querer maior

Enquanto tempestade,
Impossível à entrega ao amor sereno.
...
Ainda há ânsia (fome) desconhecida na alma,
Que não se contenta, nem se acalma,
Apenas com a saciedade do corpo.

2 comentários:

Fernando Cid disse...

Seria legal uma porção de amor sereno, como um perfume!Adorei

Teacher's Pet disse...

Não existe amor em paz - é a transubstanciação - vida/morte/vida cíclica. E como até mesmo o milagre da Vida começa com a Dor, o Amor está sempre repleto dela tamém... a Paz pode ser um bocado incômoda.