25 de outubro de 2010

e de mim...

O mundo sabe de mim
As coisas a minha volta sabem de mim
Deus todo poderoso há de saber de mim
Por fim, não há problema
Com tantos a saberem de mim
Um dia alguém ou alguma coisa
Há de me contar

2 comentários:

Carolina disse...

muito bom!!

Ricardo Steil disse...

Muito... muito... muito... muito bom!